terça-feira, 4 de novembro de 2008

Pre-gui-ça!

Gente, alguém me explica de onde surge tanta preguiça?

Meu (/veronica) tá osso essa preguiça sem fim! Acordo com preguiça. Sono. Vontade de abraçar o travesseiro, puxar o edredom e dormir até cansar. Ligar a tv e assistir Ana Maria Braga. Pelo simples fato que ela não fala nada de útil, logo, não preciso pensar. Ela faz receitas simples, tudo com aquela cara de que tá super gostoso. Vc corre no supermercado e compra os ingredientes pra fazer igual. Vida fútil é tudo de bom. Sim, eu disse isso.

Saca gente fútil? Pois é. Sempre ataquei, joguei pedras. Gentinha sem conteúdo, era o que eu dizia. Mas tipos que agora... agora que eu não sei o significado real da palavra "férias", dormindo 5 horas por dia, cara, eu só quero ser fútil.

Eleições. Neguin vinha e falava: Lacerda isso, Quintão aquilo. Fadiga! No início ainda tava legal. Mas depois foi me cansando. E-mails, gente que perguntava minha opinião. O povo cisma que comunicólogo é dono da verdade.

E por ai vai. Casos polêmicos da mídia, gente que cuida da vida alheia, gente cult demais, etc, tudo isso tá me cansando. Eu não quero ser alternativa, cult ou sei lá o quê. Não quero ser engajada. Comprar uma camisa do Bush com nariz de palhaço e etiqueta Vide Bula! Má vááá! Cansou minha beleza já.

Eu quero é ficar quietinha no sofá rindo do Louro José! Assintir GNT e filmes americanos idiotas, bobinhos, que no início vc já sabe o fim. Preguiça de pensar.

Será que a pílula azul não é melhor não? (/matrix)

Na boa: preguiça desse mundo! Para o mundo que eu quero descer....



PS: Não. Só estou com preguiça. Senso humor pra vc também.

2 comentários:

Charlie Liu disse...

leal a visita, adicionei nos favoritos...

confesso que preguiça é meu sobrenome... sou filho da mosca tsé-tsé. fui ver um filme ontem e dormi no cinema, Deus queira q eu não tenha roncado

HUMBERTO disse...

Eu insisto que você escreve por mim. Mais um dos seus textos que eu postaria lindamente no blog. Disse tudo, Lorena, disse tudo.

Abs e coragem, pq não tem outro jeito, não, tá difícil de parar o mundo.

bjo.